quinta-feira, 7 de novembro de 2013

A alma caida




                                         


Nada acontece por acaso, tudo tem uma causa e o sofrimento humano não termina com a morte do corpo físico.


Conta-se numa história muito antiga que um dia um homem mau, depois de morrer, ficou 'preso' entre o céu e o inferno à espera que aparecesse alguma alma caridosa que o ajudasse a sair daquela situação. A dada altura aparece um Anjo e lhe pergunta o que é que ele fez de errado para estar ali, naquele estado, sofrendo aquela forma de condenação.


- Fiz mal, muito mal no Mundo (disse o homem angustiado) e agora me arrependo, esperando que Deus me conceda seu perdão!

- Você se lembra de ter feito alguma coisa boa? (pergunta o Anjo)

- Não, nada fiz de bom (responde a alma penada)

- Pense bem, mesmo que seja uma coisa pequenina vale a pena tentar (insiste o Anjo)

- Bem, lembro-me de uma vez ter livrado uma aranha de morrer esmagada debaixo dos pés  de alguém...


Naquele momento desceu do céu um fio finíssimo que ficou parado à sua frente.


- Vá,  pegue no fio e suba por ele até ao céu, Deus ouviu-o (diz o Anjo).


O condenado agarrou-se a ele e começou a subir. A dada altura chegaram outras duas almas condenadas ao suplício a quem foi dada também a mesma oportunidade de 'treparem' pelo fio acima. Foi aí que, temendo que ele se partisse, a alma do homem começou a expulsar os recém-chegados, fazendo-os precipitarem-se no Inferno. Nessa altura o fio parte-se e a alma caiu também atrás das outras.


- Que pena (disse o Anjo), a única coisa que você fez de bom na vida podia tê-lo salvo, mas seu egoismo e a falta de fé num momento levou-o para as regiões da condenação!


Essa alma (como tantas outras) anda por aí, vagando, aprendendo a ser melhor...Então, quando pensar fazer o bem, lembre-se que sua ação é entre você e Deus...   


0 comentários: