quarta-feira, 14 de novembro de 2012

2013 promete!


Rio Tarauacá e Muru


A expectativa é certamente uma das principais motivações que mantém nossa fé na vida. A esperança dá brilho à vida. Além de um ano novo e dos projetos pessoais ou coletivos, a chegada de 2013 marca também o início do mandato dos prefeitos e vereadores(as) que escolhemos para nossas cidades.

E para Tarauacá é o ano de celebração do seu centenário. É uma data especial porque vamos completar e festejar 100 anos de história.

Tarauacá tem sua história marcada pelas lutas do seu povo resistente que marcou época nos grandes seringais dos rios Tarauacá e Muru. Mais tarde, no desenvolvimento da bela Vila Seabra, e agora na nossa Tarauacá. A história de vida de um povo se mostra pela capacidade de homens e mulheres, da bravura e de conquistas em busca de melhoria de vida para a comunidade local.

Tarauacá sempre se despontou como um município rico em potencial. E aí são vários os que tiveram a glória de expandir a terra do abacaxi pelo Acre e pelo Brasil a fora. Mas, isso é outra história.

No debate político, é o que mais nos interessa, os fundamentos das doutrinas europeias influenciou bastante no modo de fazer política e de gestão no Brasil. Sempre buscou-se o fortalecimento do estado.

De um lado, os que defendiam e defendem a política autoritária, fazendo com que o povo, principalmente, os mais pobres, fiquem nas mãos do Estado, humilhados, na terra que o ajudaram a construir.

De outro, porém, existiu e existe os que se contrapõe aos ditadores da época e aos atuais. Esses, com bravura, queriam, e isso reflete nas lideranças de hoje, um Brasil forte, um Acre independente com oportunidade de trabalho, renda e escolas para os filhos da terra de Galvez, como tem proporcionado o Governo da Frente Popular aqui no nosso Estado.

O ano de 2013 Promete. Esperamos que uma nova safra de gestores façam história nas administrações municipais, e isso vale, também, para os novos vereadores(as).

Falando especificamente de Tarauacá, já era tempo do povo reagir e dar um novo rumo ao seu futuro, virar a página e escrever uma nova história. É hora de colocarmos Tarauacá no trilho, unir as pessoas que fazem e querem desenvolver Tarauacá e discute a boa política. Nossa cidade tem um povo alegre, animado, divertido e batalhador. É momento de ouvir a todos, e, juntos traçarmos projetos novos ao bem comum. Esse tempo novo que queremos deverá estar na pauta do dia da nova gestão que se aproxima. O tempo de atraso já passou, o projeto futuro deve ser bem avaliado pelas lideranças políticas vencedoras da nossa cidade, e, principalmente, do nosso Estado.


Tarauacá não pode ser uma espécie de estação ferroviária, é preciso avançar, é necessário compromisso e entendimento político, capacidade técnica e unidade pra transformar Tarauacá na melhor cidade pra se viver no Acre.

Juntos podemos fazer muito mais.